Assim lhes sucederá

Marcos 11.22-24: Como garantir a resposta de Deus à oração?

Respondeu Jesus: “Tenham fé em Deus. Eu lhes asseguro que se alguém disser a este monte: ‘Levante-se e atire-se no mar’, e não duvidar em seu coração, mas crer que acontecerá o que diz, assim lhe será feito. Portanto, eu lhes digo: Tudo o que vocês pedirem em oração, creiam que já o receberam, e assim lhes sucederá”. Marcos 11.22-24 NVI.

Tudo tem suas condições, inclusive a resposta que o Senhor dá à oração. Não podemos ignorá-las, ou a resposta não virá. A maior condição de todas é a fé. Continue lendo “Assim lhes sucederá”

Eu os receberei

2 Coríntios 6.16-18: Três citações, uma única promessa.

Que acordo há entre o templo de Deus e os ídolos? Pois somos santuário do Deus vivo. Como disse Deus: “Habitarei com eles e entre eles andarei; serei o seu Deus, e eles serão o meu povo”. Portanto, “saiam do meio deles e separem-se”, diz o Senhor. “Não toquem em coisas impuras, e eu os receberei”, “e lhes serei Pai, e vocês serão meus filhos e minhas filhas”, diz o Senhor todo-poderoso. 2 Coríntios 6.16-18 NVI.

A promessa de ser recebido por Deus e de ele ser nosso Pai é condicionada à separação dos que não são povo de Deus. Continue lendo “Eu os receberei”

Perdoarei

Hebreus 8.12: O autor de Hebreus cita uma promessa de Deus feita por Jeremias.

Porque eu lhes perdoarei a maldade e não me lembrarei mais dos seus pecados. Hebreus 8.12 NVI.

O autor de Hebreus cita uma promessa de Deus feita por Jeremias e a aplica ao sacrifício de Jesus. A promessa continua em pé para a pessoa que ainda não recebeu o perdão dos pecados pela fé e obediência. Continue lendo “Perdoarei”

Na igreja mestres

Hebreus 13.1: Temos sido abençoados na igreja com bons mestres.

Na congregação de Antioquia havia profetas e mestres: Barnabé; Simeão, chamado Níger; Lúcio de Cirene; Manaém, que fora criado com Herodes, o tetrarca; e Saulo. Hebreus 13.1 BND.

A congregação na cidade de Antioquia foi abençoada com os que ensinavam a palavra de Deus. Barnabé encabeça a lista. Lembramos dele como aquele que encorajava as pessoas—seu apelido, Barnabé, significa “filho de exortação”. E como ele encorajava as pessoas, se não pelo ensino e por incentivar as pessoas com as promessas e verdades do evangelho? Continue lendo “Na igreja mestres”

Salvas os humildes

Salmo 18.27: Há dois lados desta moeda.

Salvas os que são humildes, mas humilhas os de olhos altivos. Salmo 18.27

Na irmandade, ensinamos os cinco passos para entrar na salvação de Deus: ouvir/fé, arrependimento, confissão, imersão na água e o serviço e amor a todos. Damos graças a Deus pela clareza destes passos, pois nos dão segurança e certeza sobre a salvação. Continue lendo “Salvas os humildes”

Cooperadores

1 Coríntios 3.9: Deus é o dono de tudo isso. Que cooperemos juntos.

Pois nós somos cooperadores de Deus; vocês são lavoura de Deus e edifício de Deus. 1 Coríntios 3.9

O texto pode ser lido de duas maneiras, tornando-nos cooperadores com Deus ou sendo cooperadores uns com os outros no serviço de Deus. Qualquer que seja o caso, é coisa maravilhosa considerar que Deus nos convida a participar da obra da salvação. Continue lendo “Cooperadores”

Recipientes do cálice da salvação

Salmo 116.13: Tornemo-nos recipientes, o que impede que tomemos duas atitudes.

Tomarei o cálice da salvação e invocarei o nome do Senhor.
Salmo 116.13 A21

Derek Kidner escreveu que tomar o cálice da salvação “sugere a dádiva de Deus ao homem” (Kidner 424). Isso, diz o autor, se torna o homem “recipiente” demonstrando “o próprio padrão do evangelho”. Continue lendo “Recipientes do cálice da salvação”

O Deus dos céus

Jonas 1.9: O pensamento inspira temor.

Ele respondeu: “Eu sou hebreu, adorador do Senhor, o Deus dos céus, que fez o mar e a terra”. Jonas 1.9

Jonas era profeta fugitivo. Deus o tinha enviado para denunciar o pecado de Nínive e ele tomou caminho oposto, para não ter que ver o perdão dos seus inimigos. Continue lendo “O Deus dos céus”

O inventor do jeitinho brasileiro

Lucas 4.7: Não é preciso fazer mais nada, exceto ofertar.

Tudo isto será seu se você se ajoelhar para me adorar.
Lucas 4.7 VFL

Na tentação logo depois da sua imersão, o diabo mostrou para Jesus os reinos do mundo. Ele literalmente prometeu o mundo para aquele que criou o universo. Qual foi o atrativo para Jesus? Em vez de sofrer a agonia da cruz, ele teria de apenas se ajoelhar e adorar o tentador. A promessa foi de ganhar “tudo isto”. A realidade é que ele perderia tudo. Continue lendo “O inventor do jeitinho brasileiro”

Deus é a minha força

Salmo 73.26: Em Deus há tudo o que precisa e deseja.

Ainda que a minha mente e o meu corpo enfraqueçam, Deus é a minha força, ele é tudo o que sempre preciso.
Salmo 73.26 NTLH

Este salmo registra o espanto do autor com o sucesso do ímpio. Somente no templo, na presença de Deus, que ele entende que a justiça virá somente depois. Enquanto isso, ele encontra em Deus tudo o que precisa e deseja. Continue lendo “Deus é a minha força”