Atirando no próprio pé

Loucura? Ou estupidez?

arrependimento necessárioDuas frases feitas: Pior é atirar no próprio pé do que dar a cara pra bater. No primeiro caso, quem faz o mal é a própria pessoa. Quem se machuca a si mesmo deve ser doente, pensamos.

Pois é, é isso que fazemos quando rejeitamos a vontade de Deus para nossa vida, quando criamos ídolos (que nada mais são do que imagens esculpidas das nossas próprias vontades, seja em metal, seja na mente), quando nos entregamos ao imediatismo ao invés de esperar na promessa de Deus.

Por isso, eu, o SENHOR Todo-Poderoso, o Deus de Israel, pergunto agora: por que vocês estão fazendo este mal tão grande contra vocês mesmos? Será que estão querendo destruir homens e mulheres, crianças e bebês, de modo que não fique sobrando ninguém?
Jeremias 44.7 NTLH

Olhando o pecado dessa forma, a maioria de nós não batemos bem de cabeça.

Mas enquanto ainda estamos respirando, há esperança. Podemos abandonar o pecado e buscar a Deus para servi-lo e obedecê-lo.

Porque quem atira no próprio pé acaba atingindo mais do que o pé.

2 pensamentos em “Atirando no próprio pé”

  1. É o pecado, é digamos, um gol contra, que pode comprometer a eternidade. Felizmente, podemos reverter o placar adverso, ainda que no último minuto!

    “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça”.

Deixe uma resposta