Adoração exclusiva: o exemplo de Jesus

Mateus 4.10: Na tentação de Jesus, aprendemos que a adoração a Deus é exclusiva.

Jesus lhe disse: “Retire-se, Satanás! Pois está escrito: ‘Adore o Senhor, o seu Deus, e só a ele preste culto’”. Mateus 4.10

Os israelitas misturaram elementos do culto pagão na sua adoração ao Senhor. O rei Acaz, por exemplo, construiu um altar segundo o modelo de um altar que tinha visto em Damasco e encostou o altar que Deus tinha mandado fazer, 2 Reis 16.10-14. Sempre que o homem importa a adoração conforme os seus padrões, ele coloca em segundo plano o modelo divino. Continue lendo “Adoração exclusiva: o exemplo de Jesus”

Confiança mal colocada

2 Reis 18.21: Buscar ajuda humana fora da vontade de Deus só complica.

Uma pessoa procurou um psicólogo para ajudar a salvar seu casamento. O profissional recomendou que ela tivesse um caso amoroso (adultério) — com ele! Nem toda ajuda humana é tão obviamente destruidora, mas quem procura o homem ao invés de Deus, longe da vontade dele, acaba se prejudicando. Como Israel: Continue lendo “Confiança mal colocada”

Zoando

De Jericó Eliseu foi para Betel. Quando andava pelo caminho, certos rapazes saí­ram da cidade e começaram a troçar dele. –Sobe, careca!, gritavam eles. –Sobe, careca! Ele voltou-se e amaldiçoou-os em nome do Senhor. Então, duas ursas saí­ram do bosque, e mataram 42 deles.
2 Reis 2.23-24, BND

Betel foi uma das duas cidades nas quais Jeroboão erigiu bezerros de ouro como í­dolos. Eliseu, profeta de Deus, tinha acabado de tomar o lugar de Elias, depois da subida miraculosa deste para o céu. Eliseu acaba de purificar a água da cidade de Jericó.

Agora ele é confrontado por uma gangue de jovens dessa cidade idólatra. Tendo ouvido falar da subida de Elias, eles ficam caçoando de Eliseu, para que ele também “some” daí­.

A resposta de Eliseu e o fim repentino dos jovens mostram que Não se pode zoar de Deus nem de seu projeto neste mundo.

As coisas sagradas e os santos de Deus merecem atitude de respeito e reverência.

Mais numerosos

O profeta respondeu: “Não tenha medo. Aqueles que estão conosco são mais numerosos do que eles”.
2 Reis 6.16

O servo do profeta Eliseu viu apenas o exército da Sí­ria cercando a cidade de Dotã, enviado para capturar o homem de Deus.

O que fazer agora?

Mas o profeta enxerga mais do que o servo. Sabe que Deus é o “Senhor dos exércitos” e que nada acontece sem que ele permita.

Eliseu abriu os olhos do servo para ver “as colinas cheias de cavalos e carros de fogo ao redor de Eliseu” (v. 17), para sua proteção.

O Senhor Jesus nos chama para ter fé, a crer, sem ver, que os cavalos e carros de fogo continuam cercando os fiéis, pois Não nos mostrará agora a sua presença.

Você crê nisso?