Compromisso de viver conforme a aliança

2 Crônicas 34.32: Quem concorda, fique em pé!

Depois [Josias] fez com que todos os que se encontravam em Jerusalém e em Benjamim se comprometessem também a cumpri-la. E assim os habitantes de Jerusalém se comprometeram a viver conforme a aliança com Deus, o Deus dos seus antepassados.
2 Crônicas 34.32 VFL

O rei Josias começou a fazer reformas em Judá. Isso significa que ele procurou restaurar a adoração correta ao único Deus. Continue lendo “Compromisso de viver conforme a aliança”

Você será uma aliança

Isaías 49.8: Vemos Jesus nesta profecia da nova aliança.

Assim diz o Senhor: “No tempo favorável eu lhe responderei, e no dia da salvação eu o ajudarei; eu o guardarei e farei que você seja uma aliança para o povo, para restaurar a terra e distribuir suas propriedades abandonadas. Isaías 49.8

Nesta passagem sobre o Servo de Deus, o Senhor lhe informa que será, ele próprio, a aliança. Alguns dizem que aqui o termo dá a ideia de ele ser o mediador da aliança, mas também faz sentido ele sê-la. Continue lendo “Você será uma aliança”

Um pacote só

Gálatas 5.3: Se abraça uma parte, faça tudo.

Há entre alguns evangélicos um modismo de celebrar as raízes judaicas do cristianismo, gentios por descendência brincando de judeus e importando celebrações de dias e cerimônias mosaicas dentro das suas denominações. Só falta matar animais. (Já têm a música instrumental do templo.) Continue lendo “Um pacote só”

Como renovar a sua aliança com Deus

Josué 8.32, 34-35: No centro do processo, a lei de Deus.

Ao longo da vida em Cristo, chegamos a momentos em que sentimos a necessidade de parar e nos concentrar na renovação do nosso compromisso com Deus. Foi assim também com o povo de Israel, depois de 40 anos no deserto e no momento da sua entrada na terra prometida. Continue lendo “Como renovar a sua aliança com Deus”

Uma razão por que o novo é superior ao velho

Porque na nova aliança a bênção é espiritual.

Uma das grandes diferenças entre a antiga aliança e a nova é o tipo de bênção recebida como resultado da obediência do povo. Veja estes versículos:

Obedeçam ao Senhor Deus, e ele lhes dará todas estas bênçãos: (…)
Deuteronômio 28.2 NTLH

A lista das bênçãos que segue a palavra de Moisés contém bênçãos físicas. Agora, do apóstolo Paulo:

Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo; (…)
Efésios 1.3 NVI

A lista que segue a afirmação de Paulo contém inúmeras bênçãos espirituais.

A teologia da prosperidade, como a maior parte da cristandade hoje, de uma forma ou outra, deixa de distinguir corretamente entre as duas alianças. Evitemos este erro.

Em Cristo não temos a promessa da prosperidade financeira. Temos sim toda bênção espiritual possível já disponível, uma situação muito mais desejável do que qualquer vantagem física que este mundo oferece.

 

Aboliu a lei

Paulo escreveu em Efésios 2.14-15:

Cristo é a nossa paz. De dois povos, ele fez um só. Na sua carne derrubou o muro da separação: o ódio.
Aboliu a Lei dos mandamentos e preceitos. Ele quis, a partir do judeu e do pagão, criar em si mesmo um homem novo, estabelecendo a paz. Continue lendo “Aboliu a lei”