Cabeça e calcanhar

Gênesis 3.15: Jesus é o descendente que derrota a serpente.

Porei inimizade entre você e a mulher, entre a sua descendência e o descendente dela; este lhe ferirá a cabeça, e você lhe ferirá o calcanhar. Gênesis 3.15

Depois do pecado de Adão e Eva, quando confrontados pelo Senhor, Adão culpou Eva e Eva culpou a serpente. Em ordem inversa o Senhor pronuncia o castigo para os três. O verso acima faz parte da maldição da serpente. Continue lendo “Cabeça e calcanhar”

Sobraram somente Noé na arca e sua família

Gênesis 7.23: Aprendamos da experiência de Noé: Sejamos salvos.

As coisas de antigamente foram escritas para nossa aprendizagem, disse o apóstolo Paulo. O Dilúvio foi evento único do julgamento de Deus. No fim dos tempos, haverá outro julgamento, o dia em que todos os homens aparecerão perante o Senhor para dar satisfação pelos seus atos. O que podemos aprender de Noé? Continue lendo “Sobraram somente Noé na arca e sua família”

O Temor de Isaque

Gênesis 31.42: O que significa o título neste contexto?

jaco-labao-terror-isaque

Duas vezes na história da saída de Jacó da terra de Labão é usado o nome de Deus: “O Temor de Isaque”.

Se o Deus de meu pai, o Deus de Abraão, o Temor de Isaque, não estivesse comigo, certamente você me despediria de mãos vazias. Mas Deus viu o meu sofrimento e o trabalho das minhas mãos e, na noite passada, ele manifestou a sua decisão, Gn 31.42

Ao selar o acordo de não-agressão com Labão, Jacó “fez um juramento em nome do Temor de seu pai Isaque” v. 53. Continue lendo “O Temor de Isaque”

Abrindo mão dos direitos

O cristão anda por um caminho melhor.

promessas de Deus

Exija seus direitos, dizem-nos hoje. Pois se você não zelar pelo próprio bem, quem o fará? O cristão, porém, tem como agir de outra forma, como fez o patriarca Abrão com seu sobrinho Ló:

Aí está a terra inteira diante de você. Vamos separar-nos. Se você for para a esquerda, irei para a direita; se for para a direita, irei para a esquerda.
Gênesis 13.9 NVI

Como o patriarca que era, Abrão tinha a preferência da escolha. Mas abriu mão do seu direito, dando a Ló a opção de ir para o lado que achava melhor.

Abrão podia fazer isso porque tinha recebido a promessa de Deus, e nesta confiava. O Senhor tinha prometido torná-lo em grande e próspera nação.

Com esta mesma confiança, podemos também fazer o mesmo que Abrão, sem exigir nosso direito. Pois o Senhor nos prometeu a sua bênção. Podemos assim procurar fazer o bem ao próximo e cultivar a paz.

Mais ainda, podemos sofrer por Cristo, para cumprir a missão dele, certos de que a promessa de Deus, para cuidar das nossas necessidades, se cumprirá a nosso respeito.

O fim da picada

Da fé para a fidelidade, não para a carnalidade.

SalvaçãoPara um mundo que julgava a sabedoria como o ápice, chamar alguém de tolo foi quase um insulto. Para cristãos agirem conforme a tolice do mundo, porém, foi o fim da picada.

Como é que vocês podem ter tão pouco juízo? Vocês começaram a sua vida cristã pelo poder do Espírito de Deus e agora querem ir até o fim pelas suas próprias forças?
Gálatas 3.3 NTLH

Por trás do verso se tem o grande contraste Espírito/carne. Os gálatas estavam sendo conduzidos a uma religiosidade maior, segundo os mestres que insistiam na observância da lei de Moisés. Mas Paulo descreve esta religiosidade como algo carnal, baseada em esforço próprio, fadada ao fracasso e à maldição.

Do modo que começamos no evangelho, pela fé em Cristo, é assim que devemos continuar. Da fé para a fidelidade. Nisso está a nossa herança espiritual.

Não depende de mim

Deus é quem nos capacita.

HumildadeConheço uma pessoa que relata as realizações dos outros como se fosse ela que tivesse realizado. Isso já é ruim; pior ainda quando se faz isso em relação a Deus. Mas o jovem José deu crédito a quem lhe pertencia.

Respondeu-lhe José: “Isso não depende de mim, mas Deus dará ao faraó uma resposta favorável”.
Gênesis 41.16 NVI

Gostei da tradução da Bíblia de Jerusalém: “Quem sou eu!” Quando o soberano do Egito falou a José que ouvia que podia interpretar sonhos, José responde assim.

Por toda boa obra no reino de Deus, devemos responder de forma semelhante. E não só responder, mas pensar assim.

Pois não tem nada pior no reino do que atribuir as realizações divinas a nós mesmos.

 

Imagine o lugar perfeito

Tudo foi feito especial para nós.

tudo do meu jeitoImagine que você chega a um lugar que oferecia todas as comidas preferidas, uma cama perfeita para seu descanso, o travesseiro do jeito que você gosta, os produtos de higiene que você usa, o gênero de livros que mais aprecia, o canal de televisão que mais assiste, os filmes favoritos, enfim, tudo do jeito que você gosta. Você diria que alguém que o conhecia muito bem montou o lugar especialmente para você.

E Deus viu que tudo o que havia feito era muito bom. A noite passou, e veio a manhã. Esse foi o sexto dia.
Gênesis 1.31 NTLH

Com o argumento acima o ateu britânico, Anthony Flew, foi convencido de que existe um Ser supremo que criou o mundo para o ser humano. Tudo exatamente do jeito que ele precisa e gosta.

No mundo há uma qualidade moral de bondade, que nos chama a reconhecer e responder ao Criador desse lugar feito especialmente para nós.

 

Teve medo

Sara teve medo, e por isso mentiu: “Eu Não ri”.
Gênesis 18.15a

O medo nos leva a fazer coisas estranhas. A beleza da esposa fez com que Abraão apresentasse Sara como sua irmã por onde andavam. A própria Sara, ao ouvir que teria um filho na idade avançada, riu consigo mesma. Quando o Senhor perguntou por que riu, ela negou. Por medo.

Quando agimos por medo, as chances são boas de fazermos a coisa errada.

Quando agimos pela fé na palavra e na promessa de Deus, Não tem erro: vamos sempre fazer o que é certo.

Como você vai agir hoje?