Convite

Jesus respondeu: “Certo homem estava preparando um grande banquete e convidou muitas pessoas”.
Lucas 14.16

O Senhor Não obriga ninguém. Ele estende um convite, o qual pode ser aceito ou rejeitado.

O convite é para desfrutar-se da sua presença e conviver com ele, com acesso a todas as bênçãos espirituais que ele oferece.

Ele nos impíµe apenas uma coisa: a conseqí¼ência da nossa escolha.

O convite tem condiçíµes: preparo, compromisso, dedicação, obediência, serviço, amor. Mas continua na qualidade de convite.

Desprezaremos um convite daquele que nos amou a ponto de morrer por nós?

2 pensamentos em “Convite”

  1. Será que Infelizmente muitos de nós temos aceitado apenas o convite de estar na igreja e Não em Cristo? A Palavra de Deus diz: “E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas” – 2 Corí­ntios 5.17. Será que continuamos a viver de acordo com nossas próprias vontades, personalidade ou caráter, teimando em Não ser transformados pela ação poderosa do Espí­rito Santo, que Não agirá se permanecermos resistentes aos seus estí­mulos? Quantas vezes mais continuaremos a apresentar desculpas e justificativas para Não colocarmos em prática a imensidão de ensinamentos que temos recebido de Deus através de aulas e sermíµes? O Senhor nos convida a trabalhar arduamente pelos seus interesses, mas parece Não termos entendido bem seu chamado, pois í s vezes ficamos inertes. Até quando continuaremos a investir nosso esforço, dinheiro e tempo nas nossas coisas e Não nas coisas de Deus? Como diz na mensagem acima, aceitar o convite de Cristo implica em aceitar as suas condiçíµes para estar com Ele. É desestimulante saber que por tão pouco deixamos de cumprir nossos compromissos com Jesus para colocarmos nossos interesses e bem-estar em primeiro lugar. Deverí­amos refletir em quanto do nosso tempo, dinheiro e esforço já dedicamos as nossas aspiraçíµes pessoais e quanto dedicamos ao Senhor até agora. Façamos uma “auditoria” em nossas vidas para ver em que passo está nossa situação perante o Rei dos reis! Que possamos lembrar que Não somos mais de nós mesmos, temos agora um dono, um Senhor que quer ser obedecido em suas ordens. Quem ama obedece! “Pois amar Deus é obedecer aos seus mandamentos. E os seus mandamentos Não são difí­ceis de obedecer” – 1 Jo 5:3 BLH

    Em Cristo,

    Elcio

  2. Boa tarde Randal,
    Gostei de seu novo jeito de postar o DC, é interessante, atraente e posso ler todos os anteriores. até.

Deixe uma resposta