Crie a oportunidade da fé

Lucas 19.5: Jesus não era passivo e nem o é seu povo.

Quando Jesus chegou àquele lugar, olhou para cima e lhe disse: “Zaqueu, desça depressa. Quero ficar em sua casa hoje”.
Lucas 19.5

Dizem que a oportunidade bate na porta apenas uma vez. A frase quer dizer que temos que reconhecer a oportunidade quando aparece e aproveitar o momento, pois não teremos outra chance.

Jesus nos apresenta outra realidade. Ele criava a oportunidade. Não esperava a oportunidade aparecer. Não ficava aguardando momentos. Aquele por meio de quem o mundo foi criado continuou criando na terra as oportunidades de levar a palavra do Pai às pessoas.

No caso de Zaqueu, Jesus falou: “Hoje a salvação veio a esta casa”, v. 9. Isso porque Jesus fez com que ela chegasse criando a oportunidade de ir na casa de Zaqueu.

Ficamos esperando oportunidade de falar o evangelho às pessoas. Pode ser que a oportunidade nunca apareça. É preciso criá-la.

Ficamos esperando momento propício de obedecer ao evangelho. Mas todo dia é nossa oportundidade e é preciso criar a coragem de agir e fazer a vontade de Deus.

Jesus nunca foi passivo. Mesmo na sua morte, teve atitude positiva de deixar acontecer com ele a vontade do Pai. Ele sempre agiu para sair entre as pessoas, falar-lhes do reino de Deus, intervir na vida para oferecer salvação.

O povo dele faz o mesmo. Não esperam que alguém apareça na porta para pedir estudo. Tomam sempre a iniciativa. Agem, do início ao fim, com fé no poder do evangelho.

Pai, mostra-nos onde podemos criar oportunidade para a fé.

4 pensamentos em “Crie a oportunidade da fé”

  1. MUITO INTERESSANTE! JESUS ERA TÃO EFICIENTE NO TRABALHO DE PREGAR O EVANGELHO QUE ATÉ NA HORA DA SUA MORTE SE DESLIGOU DE SUA DOR E DA IMINENTE MORTE PARA FALAR DE PERDÃO E LEVAR MAIS UMA ALMA PRO CÉU. DIFÍCIL NUMA HORA DESCONFORTÁVEL, PENSARMOS NA NOSSA MISSÃO DE EVANGELIZAR OU NA VIDA DO PRÓXIMO, GERALMENTE BUSCAMOS ALGUÉM PARA LAMENTAR NOSSA DOR CONOSCO.

Deixe uma resposta