Nosso dia-a-dia não é divorciado de Deus

Provérbios 15.11: Toda sabedoria vem de Deus, todo dia é igual para Deus.

Muita gente sente uma distância muito grande entre o domingo e a segunda-feira, isto é, um dia de adoração a Deus e a semana de trabalho. Como perdem a conexão íntima entre os dois!

Na leitura de Provérbios 5.8-21 para esta semana, o Senhor é explictamente mencionado quatro vezes. As pessoas pensam no livro às vezes como tendo a ver com a vida prática, diária, ao invés de estar relacionado à espiritualidade ou à religião. Mas Provérbios é repleto de referências a Deus.

Toda a sabedoria vem dele e se relaciona à retidão, isto é, a vida correta sob a sua direção e para agradá-lo. Seja o tratamento decente dos animais, seja a aceitação da correção, tudo é feito sob a soberania de Deus.

Nem mesmo as próprias profundezas do inferno podem ocultar-se aos olhos de Deus, quanto mais o coração dos seres humanos!
Provérbios 15.11 OL

Lembre-me, Senhor, da sua presença, a cada momento de cada dia, e como desejo transmiti-la em tudo o que faço e falo.

Segure esta ideia: Segunda, sexta, sábado, domingo, / Pra Deus igual, eu não distingo.

1 pensamento em “Nosso dia-a-dia não é divorciado de Deus”

Deixe uma resposta