Elevado aos céus

Marcos 16.19: Jesus subiu aos céus e de lá reina sobre seu povo.

Depois de lhes ter falado, o Senhor Jesus foi elevado aos céus e assentou-se à direita de Deus. Marcos 16.19

Jesus precisava voltar aos céus depois de cumprir sua missão. Ele enviou o Espírito Santo para estar com os discípulos duma forma que ele não podia em forma física. Do céu ele reina e comanda todas as operações das suas forças celestiais e humanas, pois continua presente, mesmo não estando entre nós fisicamente. Para sua presença espiritual não existem limites.

Com a sua ascensão, começou a próxima etapa do plano de Deus, a da igreja em missão. Jesus passou aos discípulos todas as orientações possíveis naquele momento e deixou para o Espírito Santo revelar o restante, João 14.25-26; João 16.12-15.

Sua elevação aos céus também marcou a glorificação de Jesus, depois da sua humilhação e morte. O Filho do Homem que “não tinha qualquer beleza ou majestade que nos atraísse” Isaías 53.2b, agora está envolto com todo o esplendor divino. João viu uma visão do Jesus glorificado cuja “face era como o sol quando brilha em todo o seu fulgor” Apocalipse 1.16, o Jesus com toda autoridade sobre a morte e o Hades, sobre a sua igreja na terra.

Na sua ressurreição e na sua ascensão, agora ele deve ser confessado e proclamado como o “Senhor Jesus”. Pois o Salvador nos resgata somente quando o confessamos como Senhor e lhe obedecemos como Soberano.

Deus Pai, queremos ver o Jesus glorioso; para isso nos submetemos a ele como o Senhor poderoso. Dá-nos a sua força!

2 pensamentos em “Elevado aos céus”

Deixe uma resposta