Esperem, não perguntem

A abertura do livro de Atos mostra a soberania de Deus, contra a curiosidade e pressão dos homens, e declara a natureza do reino de Deus.

tempos e épocasOs Onze pensam que esperavam bastante tempo, uns três anos, mais ou menos, para a chegada do reino. No calendário humano, é muito tempo. Agora, Jesus lhes diz que têm de esperar mais ainda em Jerusalém.

Com a morte de Jesus, morreram também suas esperanças. Sua ressurreição acendaram novamente suas aspirações políticas. Eis a pergunta que lhe fazem.

Certa vez, os apóstolos estavam reunidos com Jesus.
Então lhe perguntaram: –É agora que o senhor vai devolver o Reino para o povo de Israel?
Jesus respondeu: –Não cabe a vocês saber a ocasião ou o dia que o Pai marcou com a sua própria autoridade. Porém, quando o Espírito Santo descer sobre vocês, vocês receberão poder e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria e até nos lugares mais distantes da terra.
Atos 1.6-8 NTLH

Primeiro, o Senhor lhes diz, basicamente, para não fazer perguntas sobre tempos, sobre agendas, sobre datas, pois tais questionamentos apertam a soberania de Deus. E esta é uma questão maior do que a natureza do reino, por mais importante que seja esta. Os discípulos devem seguir o Senhor, e não uma agenda.

A doação do Espírito indica não somente um evento e um poder, mas a própria natureza do reino, e assim, ao falar nele, Jesus qualifica o reino como espiritual e não material ou política. O poder do Espírito conduzirá, não à conquista e à independência, mas ao testemunho e à conversão.

Aplicação para nós? Deus faz tudo em seu tempo e devemos confiar que cumprirá todas as suas promessas. Cabe a nós a fidelidade, sem querer saber a hora. Mais ainda, a habitação do Espírito em nós, após a imersão na água (Atos 2.38), deve nos lembrar que a natureza do reino é espiritual, lembrança esta que deve cortar tendências de procurar bêncãos materiais ou físicas. Ele nos habita para transformar nossas vidas à imagem de Cristo e capacitar-nos para anunciar o evangelho.

Leitura de hoje: Atos, capítulo 1 (ler agora em PDF)

1 pensamento em “Esperem, não perguntem”

Deixe uma resposta