Jesus me conhece a fundo

Marcos 7.21-22: Eu me engano, mas Jesus me conhece.

Pois do interior do coração dos homens vêm os maus pensamentos, as imoralidades sexuais, os roubos, os homicídios, os adultérios, as cobiças, as maldades, o engano, a devassidão, a inveja, a calúnia, a arrogância e a insensatez. Marcos 7.21-22

Para esconder sua maldade, o homem inventou a teoria da evolução. Ele afirma estar melhorando. Acredita na bondade humana. Pensa que a educação resolve os problemas sociais. O homem tem muita fé no homem.

Jesus sabia o que estava no coração humano. Por isso, não se confiava ao homem, João 2.24-25. O melhor homem ainda é a pior espécie de criatura. Nossos maus pensamentos nos traem e sai do coração todo tipo de transgressão e rebelião contra Deus. “Não há nenhum justo, nem um sequer” Romanos 3.10.

Julgamos a humanidade como um todo. Criticamos a nossa própria sociedade. Brasileiro fala mal do brasileiro, como se não o fosse. E o que vemos de mal no outro somos culpados também. “Portanto, você, que julga os outros é indesculpável; pois está condenando a si mesmo naquilo em que julga, visto que você, que julga, pratica as mesmas coisas” Romanos 2.1.

Aceitemos o juízo de Jesus. O que sai do homem o torna impuro. Eu sou impuro. Eu preciso dele. Eu me engano a mim mesmo, mas Jesus me conhece a fundo. E quando aceito o conhecimento dele, estou assim preparado para aceitar também o seu sacrifício pelo meu pecado.

Pai, a dor do pecado é grande, mas o alívio em Jesus traz alegria no íntimo e paz ao coração atribulado.

Deixe uma resposta