Jesus segue as multidões?

“Quando todo o povo estava sendo batizado, também Jesus  o foi”. Lucas 3.21a

À primeira vista, poderia pensar, lendo as palavras de Lucas acima, que o Senhor Jesus seguia a multidão, já que todos estavam sendo imersos. Mas Lucas apenas registra um fato, e não revela uma motivação.

De fato, Cristo fez o que todos faziam, mas com uma diferença significativa. Eles, supostamente, procuravam o batismo de João para mostrar arrependimento e receber o perdão dos pecados, mas Jesus pediu o batismo porque seu Pai o ordenara. Embora não precisasse pessoalmente do batismo, ele queria fazer o certo em todo momento.

A objeção de João ao seu batismo, a qual se encontra em outro evangelho, ressalta o ponto. A última pessoa que precisava ser imersa era Jesus. Mas para obedecer aos mandamentos do Pai, o primeiro da fila era Jesus.

A manifestação divina do Espírito em forma de pomba, e a voz do Pai vinda lá do céu, indicam quão diferente dos demais foi a obediência de Jesus. João denunciava os que vinha para se imergir e admoestou-os pelos seus motivos errados (verso 7ss), mas Cristo recebeu a aprovação do céu pelas suas ações. Ele, mais que os outros, agradou ao Pai.

Que ele estava orando (verso 21b) parece ser sinal de que seu coração estava no lugar certo.

Só porque todos estão fazendo algo, não é razão de fazê-lo. Tampouco é razão de não fazê-lo.

Deixe uma resposta