Jesus sentiu emoções

O que Jesus sente sobre minha reação?

Jesus se emocionaO Antigo Testamento usa a antropopatia, atribuindo sentimentos humanos a Deus, “a fim de declarar a personalidade de Deus e demonstrar que ele reage às ações das suas criaturas”.* Quando Jesus veio ao mundo, porém, ele sentiu as emoções de verdade:

Ele suspirou profundamente e disse: “Por que esta geração pede um sinal miraculoso? Eu lhes afirmo que nenhum sinal lhe será dado”.
Marcos 8.12 NVI

Marcos, especialmente, tem interesse nas emoções do Mestre. Ele sente ira (3.5), compaixão (?) (7.34), amor (10.21, embora possa considerar o amor aqui como decisão e não emoção), e aqui em nosso texto, tristeza e frustração por causa da obtusidade das autoridades religiosas.

O Senhor Jesus tinha feito muitos sinais, mas não de modo a satisfazer os fariseus. Seu materialismo e expectativa messiânica politizada impediram que vissem em Jesus o Cristo e Filho de Deus.

Mas vamos trazer as emoções de Jesus para o dia de hoje. Perante a minha reação ao evangelho, qual emoção ele sente? Ele fica frustrado pela minha lerdeza espiritual, a minha falta de compreender as grandezas do Reino, a minha passividade ante ao chamado do seguimento do Senhor?

Pai, que Jesus se sinta alegria com a minha obediência e não tristeza pela minha rebeldia, pois quero agradá-lo em todas as coisas. Amém.

*R.F. Youngblood, ed., Nelson’s new illustrated Bible dictionary (Nelson, 1995): 79.

1 pensamento em “Jesus sentiu emoções”

Deixe uma resposta