Os modernos saduceus

Eles ainda existem!

Como é que dois grupos podem ler a mesma Bíblia e chegar a conclusões tão diferentes? Esta pergunta comum nos dias de hoje podia ser feita séculos atrás a respeito dos saduceus e fariseus. E mais: Paulo deixou claro que um lado estava com a razão.

(Os saduceus dizem que não há ressurreição nem anjos nem espíritos, mas os fariseus admitem todas essas coisas.)
Atos 23.8 NVI

A frase é colocada entre parênteses em algumas versões como a NVI, pois explica como Paulo conseguiu dividir o Sinédrio com sua afirmação sobre a ressurreição.

Ao mesmo tempo, a frase serve de triste testemunho de quão longe alguns do povo de Deus tinham se desviado das verdades reveladas nas Escrituras.

Aquele que Hebreus 12.9 chama o “Pais dos [nossos] espíritos” foi negado pelos saduceus, pois como os materialistas de hoje, não acreditavam além do que o olho podia ver.

Parece não ser à toa que tal negação veio da parte dos que procuravam soluções por meio do poder humano e da política. Quanto mais se confia no visível, menos se crê no invisível.

Neste sentido, existem entre nós modernos saduceus. Fala-se muito nos modernos fariseus, pois é popular condenar o legalismo, mas talvez o perigo maior seja na confissão que admite o lado espiritual, mas que vive como se ele não existisse.

Pai dos espíritos, a realidade está no Senhor, espírito divino que criou tudo o que se vê e o que é visto somente pelo Senhor. Creio, ó Deus, nesta realidade, ajude a minha incredulidade.

Segure este pensamento: Somente permanecerá o que não se pode ver agora.

 

Deixe uma resposta