‘Ouça!’

Apocalipse 2.7: Jesus não gosta de ser ignorado.

A minha nora estava limpando o banheiro do seu quarto ontem. A Tessa, de 2 anos, chamou a mãe ao pé das escadas. Valéria pensou que, se a filha realmente quisesse falar com ela, subiria. De repente, ela ouve uma voz de autoridade: “Mãe! Eu estou falando com você!” As palavras de mãe para filha viraram as de filha para mãe.

Ninguém gosta de ser ignorado. Ao falar às sete igrejas da Ásia, Jesus termina cada vez falando assim:

Aquele que tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas.
Apocalipse 2.7 NVI

Jesus fala assim para as igrejas porque ignorar as palavras dele conduz à morte. Sua palavra é vida. Temos que ouvi-lo. Ele fala para o nosso bem.

Toda palavra que vem de Jesus nos chega através do seu Espírito. É Jesus que se dirige às igrejas, mas ele afirma que é também o Espírito.

Como muitas das cartas às igrejas no Novo Testamento, estas sete no Apocalipse têm como destinatárias as igrejas. Os cristãos vivem em comunidade. Não existe a fé fora da igreja, não existe cristão solitário.

Desta forma, o ouvido espiritual acaba sendo uma atividade em grupo. Embora a responsabilidade seja individual, o processo envolve toda a congregação.

Um pensamento em “‘Ouça!’”

  1. Excelente, Randal.
    Não existe fé fora da igreja e não existe cristão solitário.
    Somos família de Deus. Não existe família do “eu sozinho”.

Deixe uma resposta