Que mérito terão?

Lucas 6.33: Vá além dos do mundo.

E que mérito terão, se fizerem o bem àqueles que são bons para com vocês? Até os ‘pecadores’ agem assim. Lucas 6.33

O mundo trabalha pelo princípio de dar na mesma medida em que recebe. Devolve igual para igual. Olho por olho. Jesus ensina um princípio altivo: Ame seus inimigos, v. 35.

É ele quem escolhe seus seguidores, vv. 12-16. Ele os ensina, vv. 17-20, pois o seguidor vive pela orientação do Mestre. Ele não deixa dúvidas: Informa-nos o que traz a bênção e a maldição divinas, vv. 20-26.

Nos relacionamentos, vivemos pela Regra de Ouro, v. 31. Vai além da mera reciprocidade, vv. 32-34, para mostrar amor e misericórdia a quem não merece, pois Deus age assim, vv. 35-36.

Nossa justiça tem de ser maior do que os religiosos, Mt 5.20, e pecadores. Tem de ser à altura de Deus.

A pergunta de Jesus no verso acima é retórica, a resposta evidente para todos. Não há mérito nenhum em dar o troco, em responder à altura do que recebemos dos outros, pois isso é como os “pecadores” fazem. Nada demais nisso.

NVI coloca pecadores entre aspas, porque Jesus usa o termo no sentido popular. Consideramos os outros pecadores, mas justificamos nossos próprios atos.

A minha emoção me leva a reagir de modo igual ao tratamento que recebo, ou a mente de Cristo me permite a responder sempre com amor?

Pai amoroso, quero agir à altura do seu amor. Dê-me força para superar a minha tendência de dar o troco.

2 comentários em “Que mérito terão?”

  1. Ótima pergunta: minha emoção me leva a reagir de modo igual ao tratamento que recebo, ou a mente de Cristo em mim me permite a responder sempre com amor?
    Refletindo!
    Obrigado

Deixe uma resposta