Obrigação de saber a diferença

Miqueias 3.1-2: Até hoje, líderes religiosos rejeitam o conhecimento da vontade de Deus para seguir suas ambições e aproveitar-se dos outros.

Até hoje, muitos dos que deveriam saber o que é certo rejeitam o conhecimento da vontade de Deus para seguir suas ambições e aproveitar-se dos outros. O problema não é mera falta de conhecimento, mas má vontade e segundas intenções.

Não é de hoje este problema. É de longa data.

Ouçam, líderes de Jacó, governantes da nação de Israel! Vocês têm obrigação de saber a diferença entre o certo e o errado, mas vocês amam o que é mau e e odeiam o que é bom. Vocês esfolam o meu povo e arrancam a carne até deixar os ossos à vista.
Miqueias 3.1-2 NBV

Não devemos ficar admirados com isto. Ao invés de admirados, devemos ficar preparados.

Os piores trapaceiros são os religiosos, os que deveriam representar Deus ao povo, mas apenas agem em interesse próprio.

Jesus também condenou os líderes religiosos do seu dia por sua hipocrisia e falsidade. Os apóstolos nos avisaram que apareceriam entre os santos “pastores que só cuidam de si mesmos” Judas 12.

Existe apenas uma solução: todos sermos conhecedores das Escrituras, para que entre nós haja a prática saudável do sagrado mandamento e a rejeição dos que trazem uma interpretação errada e o desvio da palavra de Deus.

Pois a obrigação de saber a diferença entre o certo e o errado não pertence apenas a alguns, mas a todos nós.

Nosso Senhor Deus, nos guie no caminho em que deveríamos seguir e não nos deixe cair nas garras dos falsos líderes.

5 pensamentos em “Obrigação de saber a diferença”

  1. Muitos até são dissimulados e usam do poder da persuação (conversa pra boi dormir),enganam muitas pessoas é preciso ter cuidado até mesmo entre nas congregações.

Deixe uma resposta