Seja meu sacerdote

— Fique comigo — disse Mica — e seja o meu conselheiro e sacerdote. Eu lhe darei cento e quinze gramas de prata por ano, roupa e comida.
Juízes 17.10 BLH

Uma vez, após um estudo para mostrar o caminho de Deus a uns vizinhos, o marido me parou na varanda da casa e disse algo assim, em tom de brincadeira: “Vamos começar nossa própria igreja, construir um templo grande, e você será nosso pastor!”

Engasguei. Provavelmente, ele achou que a minha verdadeira motivação tivesse sido desmascarada.

Mas fiquei envergonhado que alguém falaria assim, mesmo brincando.

Em Juízes 17, um levita se torna um sacerdote de ídolo para uma família, por dinheiro. No próximo capítulo ele fica contente ao tornar-se sacerdote para uma tribo de Israel, quando soldados de Dã roubam do dono o ídolo.

Por dinheiro ou por números, há muitos religiosos que vendem a alma. Seremos companheiros deles?

Deixe uma resposta