Se Deus está conosco

Juízes 6.13: Na hora da dúvida, vamos examinar a nós mesmos.

“Ah, Senhor”, Gideão respondeu, “se o Senhor está conosco, por que aconteceu tudo isso? Onde estão todas as suas maravilhas que os nossos pais nos contam quando dizem: ‘Não foi o Senhor que nos tirou do Egito?’ Mas agora o Senhor nos abandonou e nos entregou nas mãos de Midiã”.
Juízes 6.13

Gideão tinha dificuldade em reconciliar a situação sofrida de Israel e a promessa do Senhor de abençoar seu povo. Gideão esperava apenas bênção da parte de Deus. Continue lendo “Se Deus está conosco”

Vá onde Deus está abençoando

Rute 1.6: Vamos atrás da bênção de Deus.

Desde o princípio, as pessoas têm migrado por muitos motivos. A migração para Deus é o melhor motivo de todos.

Quando Noemi soube em Moabe que o Senhor viera em auxílio do seu povo, dando-lhe alimento, decidiu voltar com suas duas noras para a sua terra.
Rute 1.6 NVI

A frase: “viera em auxílio”, é literalmente “visitou.” O verbo é usado muitas vezes quando Deus lida com o homem, frequentemente para castigar, mas aqui para abençoar.

Deus é soberano sobre as nações e o seu povo. Seus movimentos podem ser discernidos, suas ações, identificados.

Deus pode abençoar ao mesmo tempo que seu povo sofre. O livro de Rute questiona e, no fim, responde, se a fé na bênção de Deus se justifica.

Este verso nos lembra que, quando percebemos onde Deus abenços, devemos ir até lá.

Hoje, sua mão abençoa mais em Cristo, no corpo de Cristo.

Devemos ir até lá, também.

Ó Deus, que eu veja que a fé traz bênção, a seu tempo, no tempo certo.

Segure esta ideia: Onde Deus se manifesta, ele convida a nossa presença.

Busquem o bem

Busquem o bem, não o mal, para que tenham vida. Então o Senhor, o Deus dos Exércitos, estará com vocês, conforme vocês afirmam. Odeiem o mal, amem o bem; estabeleçam a justiça nos tribunais. Talvez o Senhor, o Deus dos Exércitos, tenha misericórdia do remanescente de José.
Am 5.14

Muita gente acha que Deus está próximo, mas é grande engano. São mortos que fingem ter vida. Continue lendo “Busquem o bem”

Tocou

“Quem tocou em mim?”, perguntou Jesus. Como todos negassem, Pedro disse: “Mestre, a multidão se aglomera e te comprime”.
Lucas 8.45

Mulher toca JesusDezenas, talvez centenas, de pessoas tocavam em Jesus. Mas do meio da multidão havia um toque especial. Um toque necessitado. Um toque carente.

A esse toque Jesus permitiu que dele saí­sse poder para curar. Mas não permitiu que a pessoa beneficiada permanecesse oculta. Queria que ela soubesse que estava curada com a plena permissão e bênção dele.

Ninguém chega a Jesus despercebido. Não pode e nem precisa. Pois o que ele mais quer é que procuremo-no no momento da necessidade.

Mudando ou não nossa circunstância ou situação, Jesus não nos permite ir embora sem transmitir sua paz ao coração.