Não somos objetivos sobre nós mesmos

2 Coríntios 10.18: Não temos condições de nos declarar bons.

A opinião que se tem a respeito de si próprio não tem efeito positivo no destino eterno. Não importa o que eu penso de mim mesmo. Tais opiniões geralmente aprovam a conduta, mas isso não significa que o Senhor aprova. Ele não carimba nossas conclusões a nosso próprio respeito. Continue lendo “Não somos objetivos sobre nós mesmos”

Aprendam a fazer o bem

Vai fazer bem ou mal. Aprenda o bem.

aprender o bemFazer duas coisas ao mesmo tempo pode ser grande perigo, como, por exemplo, dirigir um veículo e enviar texto por celular. Outras coisas são impossíveis de fazer ao mesmo tempo, digamos, dirigir um veículo e nadar o borboleta. (Mas sempre tem quem tente, não é?) Eis duas coisas impossíveis de praticar simultaneamente:

Parem de fazer o mal, aprendam a fazer o bem!
Isaías 1.16-17 NVI

Fazer o bem tem de ser aprendido. O ser humano tem sua definição do que é bom, mas suas ideias, no âmbito espiritual, estão quase sempre erradas.

Não é suficiente parar de fazer o mal. Ou se faz uma coisa ou outra. O fazer é sempre presente, pois o ser humano não fica parado. Se não está fazendo o bem, conforme Deus determina, está fazendo, necessariamente, o mal.

Aplica-se isso também ao povo de Deus, tanto quanto ao pagão. Pois Isaías escreveu essas linhas para Israel. A igreja tem de aprender também a rejeitar o mal para acolher o bem.

Qual você está fazendo neste momento?