Ação: Confessar

Mateus 10.32: Confessamos Jesus perante todos.

LER: “Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus” Mt 10.32.

PENSAR: A confissão de Cristo serve dois propósitos: a declaração pública da pessoa que assume compromisso com Jesus, feita geralmente pela primeira vez na imersão, e o anúncio da salvação de Deus perante as pessoas. Quem não o confessa não é digno dele. Continue lendo “Ação: Confessar”

O nome de Cristo esperança para todos

Mateus 12.21: A salvação continua chegando a todos.

Os tempos mudaram. Não porque estamos na era do pós-modernismo, nem porque vivemos a época da Internet, ou porque o terrorismo islâmico ameaça toda a estrutura social mundial. Os tempos mudaram porque Deus trouxe a era da esperança para todos. Continue lendo “O nome de Cristo esperança para todos”

Fácil de entender, mas difícil de aceitar

Mateus 8.22: O evangelho exige rendição total.

O evangelho não é difícil de entender. Para muitos, é difícil de aceitar.

  • O evangelho exige a rendição ao Senhorio de Cristo.
  • Exige a submissão ao reino de Deus.
  • O evangelho nos chama a seguir a direção do Espírito, pelas Escrituras.

Continue lendo “Fácil de entender, mas difícil de aceitar”

Salvação confirmada pelos milagres uma vez por todas

Hebreus 2.3b-4: Nas Escrituras, a mensagem e sua confirmação.

Quando viajamos, a nossa agente de viagem sempre reconfirma conosco o voo de retorno. Às vezes, as companhias aéreas mudam os voos e por isso se torna necessária a reconfirmação.

No caso da confirmação divina, porém, não há necessidade de ficar reconfirmando a veracidade e a origem da mensagem da salvação. Continue lendo “Salvação confirmada pelos milagres uma vez por todas”

O que é falsamente chamado conhecimento

1 Timóteo 6.20-21: Pessoas avançadas precisam ir além?

Dois editores de revistas científicas conceituadas afirmaram que boa parte dos estudos publicados — até metade deles — “pode estar simplesmente errada”. O site ZeroHedge.com divulgou as citações. Continue lendo “O que é falsamente chamado conhecimento”

Evangelho da sua salvação

Efésios 1.13: Qual a natureza do empreendimento divino?

A religião virou mercado, apelando às paixões baixas. As pessoas procuram igrejas que permitem continuar pecando ou que alimentam a cobiça. Estas igrejas não são de Deus e não conduzem à salvação.

E vocês igualmente, depois de terem ouvido a palavra da verdade, o evangelho da sua salvação, e tendo crido em Cristo, foram selados com o Espírito Santo.
Efésios 1.13 BND

No centro do projeto de Deus são uma mensagem e um ato. A mensagem tem caráter da verdade. O ato tem a qualidade da salvação.

São muitas mensagens religiosas, mas apenas uma é verdadeira.

Pregadores falsos fazem muitas promessas da ação de Deus, mas o que ele faz mesmo é trazer perdão dos pecados, verso 7.

No centro de tudo é Cristo, verso 10.

O que segura em nós esta mensagem e este ato de Deus é o Espírito Santo.

Da nossa parte, Deus aplica tudo isto quando ouvimos e cremos. Aqui, a fé representa a resposta do ser humano à oferta da graça de Deus.

Tudo isso acontece no âmbito da igreja de Deus, versos 22-23, na qual se exerce a fé e o amor, verso 15.

A nossa participação nesta graça divina resulta no louvor da sua glória.

Ouço e creio, Pai da palavra e ato, sigo o Senhor Jesus e louvo o nome do Senhor. Atue em mim, seja presente em nosso meio, para que continue a verdadeira mensagem no mundo.

Segure essa ideia: A Boa Nova salva eternamente, /  Poder de Deus que salva todo crente.

Pelo evangelho

O que significa fazer tudo pelo evangelho?

Outros têm causas para as quais contribuem e pelas quais lutam. Os cristãos têm o evangelho. Não é sua causa, mas sua vida. As causas podem ser adotadas e abandonadas, dependendo da necessidade e das circunstâncias. O evangelho permanece como a única esperança para o homem.

Faço tudo pelo Evangelho, para ter parte nele.
1 Coríntios 9.23 Vozes

Fazer tudo pelo Evangelho significa fazer “tudo para espalhar a Boa Nova” (NLT). O evangelho é uma mensagem, a palavra da verdade (Colossenses 1.5). Se não estamos falando o evangelho, isto é, ensinando outros — diga-se: evangelizando, não estamos fazendo nada pelo Evangelho.

Pai, acorde-me ao evangelho, para levar outros ao Senhor pela mensagem de Cristo.

Segure este pensamento: Faça tudo para ensinar aos outros a Boa Nova de Cristo.

Nenhuma origem humana

Se não veio do homem o evangelho, não dá para mexer.

Ontem, seguindo nosso plano anual, lemos Mateus 28. Os fatos da ressurreição foram relatados claramente. Temos enfatizado frequentemente que o evangelho contém fatos para serem cridos, promessas para serem recebidas e mandamentos para serem obedecidos. E isso é correto. Estes fatos têm entre si uma relação, compondo a história da salvação, o plano divino da redenção. Então, quando alguém modifica ou desafia os fatos, não podemos ignorá-lo. Por isso é que Paulo começa sua carta aos Gálatas com uma condenação dupla.

Meus irmãos, eu afirmo a vocês que o evangelho que eu anuncio não é uma invenção humana.
Gálatas 1.11 NTLH

Se o evangelho fosse mito ou lenda, não haveria motivo para se perturbar perante uma modificação. Mas somente o evangelho é verdadeira. O que ele afirma ocorrer realmente aconteceu.

Então, temos de ficar com os fatos, contar corretamente a história, ensinar e observar todos os mandamentos de Cristo (como lemos em Mateus 28.20), e apegar-nos às promessas preciosas da vida eterna e da alegria perene.

Deus verdadeiro e abençoado, que a história de Jesus nos seja cada vez mais preciosa, e os detalhes do seu tempo entre nós sempre nos nossos lábios e dominando o nosso coração.

Segure este pensamento: O evangelho não veio do homem, e não será ele quem concederá o prêmio.