O positivo do mau exemplo

Um grande exemplo, de como não fazer

idolatria de IsraelAlguns já falaram isso em tom de brincadeira, mas não é brincadeira nenhuma. A única coisa de positivo que pode tirar da vida de alguns é um exemplo de como não fazer! Paulo basicamente diz isso a respeito de Israel:

Tudo isso aconteceu a fim de nos servir de exemplo, para nós não querermos coisas más como eles quiseram, nem adorarmos ídolos, como alguns deles adoraram.
1 Coríntios 9.6-7a NTLH

A história de Israel é basicamente a narrativa de como não servir a Deus. É só ver o volume que os livros proféticos compõem dentro da Bíblia para ter noção do constante desvio do povo de Deus sob a lei mosaica. Os profetas foram enviados por Deus para chamar a nação de volta ao caminho antigo. Mas eles escutaram? Nada!

Foram teimosos na sua própria vontade, insistentes no pecado, influenciados constantemente pelas nações ao redor, resistentes ao propósito divino, ignorantes da sua palavra — enfim, tudo que fizeram de errado serve de lição para nós. Se fizermos o contrário de Israel, vamos andar muito bem na vontade de Deus.

No final, Deus usa o mal de Israel para produzir bem na sua igreja. Ele consegue tirar algo de positivo do grande estrago israelita. A grande pergunta é: Vamos aprender a lição?

Tornaram-se modelo

Assim, tornaram-se modelo para todos os crentes que estão na Macedônia e na Acaia.
1 Tessalonicenses 1.7

Poucos hoje querem se oferecer para ser exemplo. Convenceram-se de que é postura arrogante colocar-se como modelo.

Mas quando somos imitadores de irmãos dedicados e do próprio Senhor (verso 6), tornamo-nos exemplos para os outros.

E não devemos nos acanhar de reconhecer isso. Pois a verdadeira humildade sabe que não é pelo próprio esforço mas sim pela recepção da mensagem de Cristo que chegamos a servir como exemplo para os outros.

Sejamos modelos, pois, para quem precisa de direção espiritual.