Ação: Temer

Mateus 10.28: Aprenda a temer a Deus conhecendo seu caráter e sua obra.

LER: “Não tenham medo dos que matam o corpo, mas não podem matar a alma. Antes, tenham medo daquele que pode destruir tanto a alma como o corpo no inferno” Mt 10.28.

PENSAR: O temor a Deus é ponto de partida em toda a Bíblia, Dt 8.6, 1Pd 2.17, o princípio da sabedoria, Sl 111.10; Pr 1.7; 9.10. Inclui respeito, reverência e medo. Mostra-se temor pela obediência a Deus. É ligado ao juízo, Ap 14.7, ao louvor, Hb 12.28, e ao evangelismo, 2Co 5.11. Continue lendo “Ação: Temer”

Não inveje os pecadores

Provérbios 23.17-18: Seu desejo deve ser outro.

invejaParece que os pecadores aproveitam mais a vida, não parece? Eles têm todas as vantagens, não têm? Eles têm mais alegria, entregam-se aos prazeres sem preocupação, vivem para o momento, não é mesmo? Continue lendo “Não inveje os pecadores”

Ponto de partida do saber

Provérbios 1.7: Atitude para com Deus é também conhecimento

ponto-partida-temor-deus

Antes de poder aprender alguma coisa, temos de saber quem é Deus. E o conhecimento da sua natureza deve inspirar em nós um reconhecimento da sua grandeza e santidade. Continue lendo “Ponto de partida do saber”

Amigo dos que temem

Salmo 119.63: A relação entre solidariedade e obediência aos preceitos de Deus.

amigos-preceitos-deusNo meio do sofrimento, esquecemos às vezes que vivamos no meio da comunidade dos fiéis. Ou que exista tal comunidade. Sentimo-nos sós. O autor do Salmo 119 não se esqueceu disto.

Sou amigo de todos os que te temem e obedecem aos teus preceitos.
Salmo 119.63

Embora o salmo ressalte a confiança do indivíduo, apesar das suas provações, ele não perde de vista que faz parte duma comunidade. Continue lendo “Amigo dos que temem”

O que pensa o homem?

Provérbios 3.7: O que o homem pensa não é bonito, nem sábio.

O homem pensa e muitas vezes pensa que seus pensamentos estejam superiores a todos os outros—mesmo os de Deus. Desde o princípio, a tentação tem sido a de tirar a palavra de Deus e substituí-la pela lógica humana.

Não seja sábio aos seus próprios olhos;
tema o Senhor e evite o mal.
Provérbios 3.7 NVI

A lógica humana encontra lugar para o pecado. O homem raciocina a fim de justificar seu desvio.

Temor a Deus significa levar a sério o que ele diz e rejeitar o caminho errado na vida.

Ser sábio aos próprios olhos é o caminho da ruína.

A sabedoria aos olhos de Deus é verdadeira sabedoria, e vida.

A constelação de Deus

Três estrelas do céu eterno.

sabedoria-temorO homem olha para o céu à noite e imagina pelo agrupamento das estrelas as constelações. Ou ainda olha de dia as nuvens e cria delas criaturas, rostos e cenas. Mas veja como o Criador adorna o seu quadro celestial:

O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; todos os que cumprem os seus preceitos revelam bom senso. Ele será louvado para sempre!
Salmo 111.10 NVI

Temor significa obediência, diz o verso acima. Quem faz a vontade do Senhor tem discernimento. Os três conceitos — temor, sabedoria e obediência — são as estrelas do céu divino. E quem os adquire brilha com o esplendor do seu Criador.

Amor próprio

Eu me amo, não me amo.

temor a DeusO amor próprio é um dos grandes valores da sociedade pagã em que vivemos. Sua essência está em satisfazer os próprios desejos e impulsos, às custas do bem alheio. Supostamente, quem ama a a sua vida procura o melhor. Cristãos citam mal o segundo maior mandamento como evidência desse valor emprestado e sanitizado.

Agora, existe sim alguma evidência do amor próprio na Bíblia:

Quem procura ter sabedoria ama a sua vida, e quem age com inteligência encontra a felicidade.
Provérbios 19.8 NTLH

A sabedoria consiste no temor a Deus. “Para ser sábio, é preciso primeiro temer a Deus, o Senhor” (Provérbios 1.7a). O amor próprio, portanto, tira a pessoa do foco para colocar o Senhor no centro das atenções. Quem faz este movimento está dando o verdadeiro valor a sua vida no plano de Deus e fazendo o melhor para si mesmo.

O amor próprio, então, consiste em esquecer de si mesmo. Isso, sim, é inteligência que produz felicidade.

 

Exclusividade e totalidade

Temor, amor, obediência, com tudo. É isso.

temor a DeusNo casamento o homem e a mulher deixam os interesses nas outras pessoas para se dedicarem exclusivamente e totalmente um ao outro. De forma semelhante, acontece o mesmo quando Deus é nosso Senhor. Assim foi também para Israel e as palavras de Moisés se aplicam bem ao povo de Cristo hoje:

Povo de Israel, escute o que o Senhor Deus exige de você. Ele quer que vocês o temam e sigam todas as suas ordens; quer que o amem e que o sirvam com todo o coração e com toda a alma.
Deuteronômio 10.12 NTLH

Muitos se dizem cristãos, muitos afirmam ter religião, mas tudo está em vão se não servem a Deus acima de todos os outros e com todo o seu ser. Simplesmente é uma mentira pensar que se possa conduzir sua vida como as outras pessoas e receber a aprovação de Deus.

Na verdade, como os israelitas fizeram, muitos brincam de religião. Não levam a sério a palavra de Deus. Não sabem a sua vontade. Impóe no Senhor as suas ideias. Carregam Deus no bolso para tirá-lo quando bem serve ao seu desejo. Talvez façam uma oraçãozinha de vez em quando, ou façam um boa ação numa hora ou outra a outrem, mas sua vida como um todo está dedicada a um ídolo de fabricação própria. Obedecem às leis de Deus que lhes são convenientes.

Então, a grande pergunta é: o versículo acima descreve a minha vida? Ou o parágrafo anterior?

Senhor Deus de Israel e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, faça com que eu descubra meus deveres para com o Senhor. Ensine-me a temê-lo e a amá-lo.

Feliz quem teme

Diz Salmo 112.1 na BLH:

Louvem ao Deus eterno! Feliz aquele que teme a Deus e que tem prazer em obedecer aos seus mandamentos.

Quem teme a Deus não precisa temer nada ou ninguém. “(…) não tem medo de receber más notícias; (…) Ele não fica preocupado nem tem medo” (versos 7-8). Continue lendo “Feliz quem teme”